Foto: Ricardo Stuckert

"Já são quase R$ 30 bilhões que o Temer gastou com deputado pra ficar no governo. Nós gastamos R$ 9 bilhões com a transposição do Rio São Francisco pra levar água pra milhões de nordestinos e acharam caro", afirmou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao comentar a rejeição da segunda denúncia contra Temer pela Câmara dos Deputados, durante ato na cidade de Araçuaí, em Minas Gerais. 

"Quando saí da Presidência queriam que eu fizesse um terceiro mandato. Em nome da democracia deixei a Presidência da República. Eu tinha 87% de aprovação do governo, o Temer tem 97% do povo brasileiro contra a permanência dele na presidência. Ele só tem 3% de aprovação, que deve ser na casa dele", declarou Lula.

O ex-presidente aproveitou para questionar o discurso da Lava Jato. "E depois dizem que a Lava Jato quer acabar com a corrupção, dizem que a Lava Jato está moralizando esse país", pontuou. "Nós agora estamos correndo o risco de perder tudo que a gente conquistou nos últimos 12 anos", ressaltou Lula.

Ato Cultural 

O ato em Araçuaí teve como tema a cultura do Vale do Jequitinhonha. Lula, que é entusiasta da cultura do Vale, assistiu a diversas apresentações e entrevistou alguns dos artistas que se apresentaram - a exemplo das entrevistas realizadas durante as caravanas da cidadania nos anos 80. 

Nesta quinta-feira, Lula visita o túmulo de Dom Enzo e o IFET de Araçuaí. De lá, a caravana Lula por Minas Gerais segue para a cidade de Salinas. 

Voltar para o topo