Foto: Reprodução

Como homenagem ao doutor em Geografia Fernando Antonio da Silva, alagoano de origem humilde que fez pós-graduação na Unicamp e faleceu aos 26 anos, publicamos a sua tese, um estudo sobre os impactos do programa Bolsa Família em Alagoas.

A relevância do programa no combate à miséria fica evidente já na epígrafe da pesquisa:

Pesquisador: A senhora acha que o Bolsa Família é um direito do povo ou não?
Entrevistada: Eu num sei dizer não. Eu só acho que se cortar o Bolsa Família é tanta gente que vai morrer de fome. Tem muita gente que não tem nada na vida, nada, nada, nada, só se acha com o coitado do Bolsa Família. M. A. S., 54 anos.
Entrevista concedida em julho de 2016.

Antonio agradeceu aos seus pais a realização da tese.

"Primeiramente agradeço aos meus pais, Helena e Geraldo. É bastante difícil dizer (se é que é possível, ou mesmo necessário) se a maior contribuição de vocês dois para este trabalho foi emocional, financeira ou intelectual, já que vocês me ensinam sem pronunciar uma palavra sequer, tiram recursos financeiros de onde não existe para que eu possa estudar e me dão forças para enfrentar situações difíceis. É preciso registrar que se não fosse a coragem de um trabalhador negro, analfabeto, para enfrentar o eito de cana de sol a sol, e a valentia de uma mulher que enfrentou todas as privações possíveis para garantir a permanência dos filhos na escola, este trabalho não teria jamais sido concebido."

AnexoTamanho
PDF icon Tese sobre o Bolsa Família5.48 MB
Voltar para o topo