"Perdemos um ser-humano excepcional, que dedicou sua vida à cultura, à democracia e à justiça social." Foto: Divulgação


Tenho enorme orgulho de ter convivido com o companheiro Antonio Candido. O Brasil perdeu hoje mais do que um dos maiores intelectuais da nossa história. Perdemos um ser-humano excepcional, que dedicou sua vida à cultura, à democracia e à justiça social. E o fez com excelência em todos os campos. Foi um corajoso adversário de qualquer tipo de autoritarismo e já nos anos 40 fundou a União Democrática Socialista. Lutou contra a ditadura militar e durante toda sua vida se manteve fiel aos ideais da esquerda democrática. Não foi apenas fundador do PT, foi militante cotidiano do partido, um petista sempre presente no bom combate em defesa do desenvolvimento nacional. Participou da elaboração de programas de governo, viajou o país e teve uma importantíssima atuação a favor da transformação social e do direito dos trabalhadores.

Neste momento de pesar, transmito meu abraço fraterno aos familiares e amigos.

Luiz Inácio Lula da Silva

Voltar para o topo