Após 68 testemunhas, o Ministério Público não apresentou nenhuma prova de envolvimento de Lula em qualquer desvio de valores ocorridos na Petrobras, nem participação dele nos três contratos citados na denúncia, nem provas de que Lula e D. Marisa sejam donos de um apartamento “tríplex” no Guarujá, no qual nunca dormiram ou tiveram as chaves.

Mesmo os notórios delatores chamados pelo Ministério Público para serem ouvidos nessa ação isentaram Lula de ter conhecimento ou recebido qualquer desvio de recursos públicos. A denúncia é uma acusação sem provas e com o objetivo político de prejudicar a imagem de Lula e sua família. ​

Voltar para o topo