24 de julho de 2018

“A população quer votar no Lula e elegê-lo presidente”, garantiu Fernando Haddad em entrevista à rádio CBN nesta terça-feira (24/7) ao reafirmar a candidatura petista à presidência da república.

O ex-prefeito de São Paulo e atual coordenador do programa de governo de Lula disse ainda que o PT vai entrar na Justiça para assegurar esse direito e citou que há jurisprudência nesse sentido, já que, segundo ele, candidatos ao executivo municipal, na mesma situação, tiveram seus registros aceitos diante de sentenças frágeis como a de Lula.

Haddad também afirmou que, nesse momento, é preciso “tirar o país do atoleiro” e citou algumas das medidas do governo Temer que levaram a isso, como a retirada de direitos da classe trabalhadora, a absurda política de reajuste de preços de itens como gás de cozinha e diesel, a exclusão de beneficiados do Bolsa Família etc.

“É um descalabro tão grande que nós temos a obrigação de resgatar a memória das pessoas sobre o Brasil que deu certo, o Brasil que foi governado pelo presidente Lula e que bateu todos os recordes de geração de emprego, de melhoria do salário mínimo, de melhoria do poder de compra da classe trabalhadora”.

Haddad falou ainda sobre a importância da retomada de um projeto soberano e popular para o Brasil. Confira na íntegra a entrevista.