28 de abril de 2015

Em geral, quando se fala sobre o continente africano, o tom é negativa e pessimista. Mas esse não é o único jeito de olhar para a região. Durante fala em evento do Instituto Lula, na última quinta (23), Carlos Lopes, representante da Comissão Econômica das Nações Unidas para África, mostrou que a África tem muito a oferecer para o mundo. Veja a seguir 11 fatos positivos que você não sabia sobre a África.

1. Tem uma inflação média abaixo dos 7% (Fonte: African Development Bank Group )

2. O PIB (Produto Interno Bruto, indicador que mede as riquezas produzidas) cresce a uma taxa de 5% ao ano desde 2000 (Fonte: African Development Bank Group ).

3. É o segundo maior mercado de telefonia móvel do mundo: 80% da população tem acesso a celulares (Fonte: African Development Bank Group). 

4. A epidemia de ebola foi muito menor do que se previa: o Centro de Controle de Doenças dos EUA  falava em até um milhão de casos em janeiro de 2015. Foram apenas 19 mil, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS) .

5. É a região que mais cresce no mundo.

6. Tem uma classe média considerável: são 350 milhões de pessoas, 34% da população (Fonte: African Development Bank Group). 

7. Em vários países, há uma alta proporção de mulheres no Congresso: Ruanda (65%), Ilhas Seychelles, Senegal e África do Sul, (mais de 40%). (Fontes: African Development Bank Le Monde)

8. O principal parceiro comercial do continente é a China e o país que mais investe na África são os Estados Unidos. (Fonte: African Development Bank Group)

9. No Quênia, 30% do PIB é fonte de transações feitas pelo telefone celular, recorde mundial (Fonte: Le Monde) 

10. Sete países africanos estão entre as economias que mais cresceram no mundo entre 2010 e 2015 (Fonte: Ernest & Young). 

11. O investimento direto estrangeiro na África cresceu cinco vezes desde o ano 2000. Hoje é de US$ 50 bilhões anuais. (Fonte: African Development Bank Group) 

Assista à palestra completa de Carlos Lopes no evento promovido pelo Instituto Lula: