26 de setembro de 2018

Pesquisa Ibope divulgada nesta quarta-feira (26/09) mostra o petista Fernando Haddad consolidado na segunda posição da corrida presidencial, oscilando na margem de erro sobre o levantamento anterior, de dois dias atrás. Haddad foi de 22% para 21%. Jair Bolsonaro (PSL) também oscilou 1 ponto, indo de 28% para 27%.

Na sequência aparecem Ciro Gomes (PDT) com 12%, Geraldo Alckmin (PSDB) com 8% e Marina Silva (REDE) com 6%.

Nas simulações de segundo turno, Fernando Haddad ganha de Bolsonaro de 42% a 38%.

O Ibope desta quarta-feira foi contratado pela CNI (Confederação Nacional das Indústrias) e ouviu 2 mil pessoas entre 22 e 24 de setembro. A margem de erro é de dois pontos percentuais para cima ou para baixo. O nível de confiança é de 95%. O levantamento foi registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número BR-04669/2018.

A última pesquisa CNI/Ibope foi realizada em junho, quando a campanha eleitoral ainda não havia começado. Naquele cenário de pré-candidaturas, Bolsonaro e Marina lideravam as intenções de votos dos eleitores nos cenários em que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não aparecia como opção. Quando era incluído na lista de opções, o ex-presidente passava a liderar as pesquisas com quase o dobro das intenções de voto de Bolsonaro. Na época, Lula alcançava 33% das intenções de voto, Bolsonaro 15% e Marina, 7%.