10 de fevereiro de 2020
Foto: Diego Padilha

Da Redação da Agência PT de Notícias

Os 40 Anos do Partido dos Trabalhadores foram marcados por profundas mudanças na sociedade brasileira. Do fim da ditadura até as Eleições de 2018 o país viveu intensas transformações sociais. Dentro dessas quatro décadas, 13 anos serão lembrados para sempre na história do Brasil. Como Luiz Inácio Lula da Silva ressalta, foi a primeira vez que o povo pobre foi incluído no orçamento federal. E é essa a principal preocupação do ex-presidente nos dias atuais, já que Jair Bolsonaro (sem partido) faz um governo da destruição.

Por isso, Lula fez uma contundente defesa da política e da unidade das forças progressistas em diálogo com o ex-presidente do Uruguai Pepe Mujica no Festival PT 40 Anos, neste sábado (8), em que mais de 20 mil pessoas passaram pela Fundição Progresso. Segundo o ex-presidente, os partidos de oposição ao desgoverno Bolsonaro têm em comum a preocupação com a vida do povo brasileiro. “Eles estão conseguindo destruir tudo que nós fizemos nos 13 anos, além da subserviência ao governo americano. Temos de colocar na pauta a questão da soberania, meio ambiente, da água, empregoeducação e ciência e tecnologia”.

O ex-presidente uruguaio, por sua vez, fez uma crítica ao consumismo e fez uma reflexão sobre o modo de vida nos dias atuais: “A vida se vai e a pergunta é: basta gastar sua vida pagando contas, e contas, e contas? E você vai ter tempo para os afetos, para o amor, para seus filhos e amigos ou vai ser escravo do mercado? Essa é a pergunta que você tem que fazer. A vida não é só trabalhar, é preciso viver.”

“Confunde-se felicidade com comprar, mas assim você não vai ser feliz, vai ser escravo das contas. O mundo melhorará se o jovem se comprometer, se for capaz de gastar tempo da sua vida lutando pela justiça e pela igualdade em nossas vidas”, exaltou Mujica.

Diego Padilha

Lula e Mujica

Junto com Mujica, o ex-presidente também fez um chamado aos jovens brasileiros. O ex-presidente uruguaio e atual senador lembrou que não há vida em sociedade sem a política. “A política é imprescindível para os seres humanos. Se vivemos em sociedade, vai haver conflito. E se há conflito, precisamos lutar para um novo valor para política. E quem faz isso são jovens”, destacou Mujica, que recebeu de Lula uma celebração:

“É importante a gente ouvir o companheiro Pepe Mujica. Ele já foi preso, torturado, ficou na solitário e ao invés de ficar em casa lamentado a vida, ele ainda tá na rua brigando pelo que é o melhor. Por isso, não há existe saída fora da política. E são os jovens que devem fazer a política. Eu queria deixar um recado para vocês. Que não desanimem nunca. Quero pedir para a juventude brasileira levar em conta que ela é muito importante para as lutas que teremos que fazer esse ano”, conclama Lula.

Confira a íntegra do diálogo de Lula e Pepe Mujica