26 de outubro de 2018

É hora da virada! Nas ruas de todo o país o clima é de esperança e resistência. É tempo de eleger Fernando Haddad e Manuela D’Ávila, tempo de cantar o amor e o futuro. A “Marcha nº 13” traz uma reunião espontânea de mulheres artistas de São Paulo, sem fins lucrativos, em defesa da democracia e pelo respeito à diversidade. Muitas mulheres diferentes cantando “a esperança na cidade, que invade os quatro cantos e não cansa. Um grito despertou, não se faz tarde, rima com felicidade, vira o jogo, entra na dança”.

O Festival Digital Artistas Pela Democracia tem espaço pra todo mundo mostrar sua arte em apoio à virada da liberdade e às candidaturas de  Fernando Haddad e Manuela D’Ávila. Se fere nossa existência, seremos resistência! É possível voltar a sonhar – vamos devolver o Brasil para o povo brasileiro!

Confira a letra:

MARCHA nº13
Luisa Toller, Nina Neder e Thiago Melo

Levante
E cante a esperança na cidade
Que invade os quatro cantos e não cansa
Um grito despertou não se faz tarde
Rima com felicidade
Vira o jogo, entra na dança

Avante
Lute, faça muito alarde
Pra que haja humanidade
Nesse mundo que balança
Se lança!
Mais amor e menos grades
Pro Brasil feliz de novo
Não ficar só na lembrança

Se lança com Manu e com Haddad
Enche o peito com vontade
E acredite na mudança

Mande sua arte você também!