22 de agosto de 2018

Fernando Haddad, candidato à vice-presidência e porta-voz do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, participou na noite desta quarta-feira (22/08) da inauguração do Comitê de Campanha Lula Presidente, em Campina Grande, Paraíba. Também estavam presentes Ricardo Coutinho (PSB), governador da Paraíba, e João Azevedo (PSB), candidato ao governo do estado.

Haddad, que está percorrendo o nordeste brasileiro levando a voz e as ideias de Lula, disse que tem visto e ouvido muita gente “defendendo Lula e dizendo que ele foi o melhor Presidente da República. É por isso que Lula está na liderança das pesquisas e vai continuar subindo”. O porta-voz de Lula apontou a perseguição política, jurídica e midiática que o ex-presidente vem sofrendo, parte do complô para desestabilizar a democracia no Brasil,  “que agora tenta impedir que o Lula volte à Presidência”.

Haddad falou sobre a decisão do Comitê de Direitos Humanos da ONU emitida na última sexta-feira (17/08). “O organismo internacional mais importante do mundo exigiu que o Estado brasileiro garanta a candidatura de Lula à presidência”. Ele afirmou também que o povo conhece Lula, porque conhece seus “50 anos de vida pública, sabe que ele refundou o sindicalismo no Brasil e é reconhecido como líder internacional”.

O ex-ministro da educação de Lula se lembrou ainda das muitas vezes que esteve em Campina Grande ao lado do ex-presidente, inaugurando escolas e promovendo a maior expansão federal de escolas técnicas da história desse país. “Nós queremos que o grande time que já governou esse país volte a governar sob a liderança do ex-presidente Lula”, disse Haddad.

Emocionado, o atual governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), declarou que o que move a militância, na verdade, são as ideias e “se eles rejeitarem a ONU, rejeitarem o povo brasileiro, a nossa resposta vai ser no dia 7 de outubro quando nós vamos eleger o candidato que representa as ideias do ex-presidente Lula”.

Relembrando o histórico ato de inauguração popular da transposição do Rio São Francisco pelo ex-presidente Lula em Monteiro (PB), João Azevedo, candidato ao governo do estado, afirmou que “os paraibanos e os nordestinos sabem a quem deve a obra da transposição. O Nordeste será eternamente um devedor do ex-presidente Lula”.

Confira a íntegra das falas: