19 de agosto de 2011

Em visita a Belo Horizonte nesta quinta-feira (18), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi recebido no auditório do Colégio Pio XII aos gritos de “olé, olé, olé, olá, Lula, Lula”, por milhares de militantes.  Em suas primeiras palavras, Lula enfatizou que está ciente da greve dos professores estaduais pela aprovação do piso nacional em Minas Gerais, que está ocorrendo desde o dia 8 de junho.

“Eu estou sabendo que os professores estão em greve em Minas Gerais. O mais grave é que nós aprovamos uma lei criando o piso salarial dos professores, essa lei foi sancionada. Quando eu estava na Presidência, alguns governadores entraram na justiça para não pagar o piso e a justiça sentenciou que o piso é constitucional. É uma vergonha alguém dizer que não pode pagar o piso de R$ 1.100,00 para um professor”, protestou Lula.

[mudslide:picasa,0,116451107798979983687,5642548473586643665,530,center]

O ex-presidente relembrou as conquistas do povo no seu governo, falou da importância do Bolsa Família, do crédito consignado, do Projovem e do Programa de Aquisição de Alimentos, entre outros.

“Em oito anos, este país gerou 15 milhões de empregos com carteira funcional assinada. Como está o desemprego nos EUA hoje? 10%. Quanto é que está na Espanha? 20%. Quanto está na Europa? 10%. E quanto está no Brasil? 6%. Nós nunca imaginamos isso neste país”, afirmou Lula emocionando à militância presente. Lula também ressaltou as conquistas internacionais do país. “Quando eu cheguei ao governo eu estava rouco de tanto gritar fora FMI. Cinco anos depois nós chamamos o FMI para devolver o que devíamos. E hoje é o FMI que deve ao Brasil!”.

Sobre a presidenta Dilma, Lula enfatizou que se enganam os que acham que ela não fará grandes realizações no Governo. “Ela vai fazer e vai fazer melhor. Porque ela trabalhou oito anos e irá trabalhar muito mais agora. Além de tudo ela é mineira, mineira aqui de BH e mineira não nega fogo”.

Lula almoçou com a base aliada do governo Dilma em Minas e durante a tarde se reuniu com as lideranças do PT no Hotel Ouro Minas. Estavam presentes os membros do Diretório Estadual, da Executiva Estadual, os deputados federais e estaduais do PT mineiro e alguns prefeitos do partido. Lula falou sobre o modo petista de governar, sobre as conquistas do Governo Federal com o PT e respondeu a questões levantadas pelos presentes. O ex-presidente afirmou que estará presente nas eleições para que o PT vença em todas as cidades em que vai concorrer em Minas Gerais.

Fonte: PT-MG