14 de junho de 2022
Foto: Ricardo Stuckert

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a destacar hoje a importância do investimento em educação, com políticas públicas inclusivas como Prouni e Fies, para dar novas perspectivas à juventude brasileira e também gerar empregos de melhor qualidade no país. Lula voltou a defender que educação é investimento e não gasto.

“Vamos continuar investindo na educação porque, se alguém falar para mim que educação é gasto, vai tomar um cascudo, porque educação é investimento e é o mais importante investimento que você faz num país. Fica muito mais barato investir na construção de uma sala de aula numa universidade ou numa escola pública, do que investir numa cela, numa cadeia. Então, fica muito mais barato cuidar de um estudante do que cuidar de um preso”, afirmou, ressaltando também que, num eventual novo governo, vai recuperar o Prouni e o Fies e fazer com que a educação volte a ser prioridade.

Em entrevista ao vivo à Rádio Vitoriosa, de Uberlândia (MG), na manhã desta terça-feira, 14, Lula afirmou também que, para o voltar a ser um país importante no mundo do ponto de vista econômico, o Brasil precisa crescer e ter empregos de qualidade. De acordo com ele, para isso, é preciso investir em educação, ciência e tecnologia e formar a juventude.

“Se nós quisermos que o Brasil se transforme num país importante no mundo, do ponto de vista econômico, que o Brasil possa ser um país levado a sério no mundo, nós precisamos crescer e, para crescer, nós precisamos gerar emprego de qualidade. Para ter emprego de qualidade, você tem que investir na educação. Se não conseguir investir em educação, ciência e tecnologia, investir para formar nossa juventude, o Brasil não vai crescer. É a educação a base para o desenvolvimento do Brasil”, disse, destacando que um ambiente favorável para o país voltar a crescer e ser feliz depende do Estado, da credibilidade, de convencer os empresários de dentro e de fora do país a fazer investimentos.

Assista na íntegra: