17 de setembro de 2021

Em entrevista à Rádio Sagres, de Goiás, na manhã desta sexta-feira, o ex-presidente Lula disse que o governo Bolsonaro perdeu o controle da inflação, que já está próxima de dois dígitos.  Lula citou o aumento do desemprego e o retorno da fome ao país. Ele reafirmou que a única saída para o Brasil é voltar a colocar a fatia mais pobre da população no orçamento, como foi feito nos governos do PT, quando foram gerados mais de 20 milhões de empregos com carteira assinada.

O ex-presidente afirmou que o povo tem pago a conta do atual desgoverno e, por isso a oposição deve ir para rua pressionar para reverter o quadro. “E é o povo que paga a conta. A oposição tem que ir pra rua exigir a saída do Bolsonaro. Temos que fazer pressão. Se nada resolver, o povo vai resolver em outubro de 2022.”

Falando para Goiás, um dos maiores produtores de grãos do país e do mundo, Lula lembrou que tanto o agronegócio quanto a agricultura familiar são importantes para o país, mas que ele sempre trabalhará para fazer justiça social. “Pergunte ao agronegócio se faltou dinheiro pra eles no meu governo. Não faltou. A divergência é que alguns queriam comprar arma pra matar sem terra e nós queríamos fazer reforma agrária”, afirmou o ex-presidente, destacando que nos governos do PT o Brasil terá mais livros e menos armas.