24 de outubro de 2015

Dando continuidade a sua agenda de debates pela educação, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva participou nesta sexta (23) ao lado do governador Rui Costa, da etapa baiana da Plenária de Mobilização pela Educação do Partido dos Trabalhadores, em Salvador. Lula agradeceu pelo que viu ontem no Piauí e hoje na Bahia, “o que eu vi nas escolas públicas, foi uma lição de vida pra mim”.

O ex-presidente reiterou que vai percorrer o Brasil inteiro debatendo o Plano Nacional de Educação, “estou convencido que podemos fazer uma revolução através da educação neste país e o PNE nos dá a oportunidade de realizar o desejo da sociedade de ter educação para todos”. Lula lembrou que o plano tem 20 metas a serem cumpridas até 2024. “Até lá nós temos que ter cumprido essas metas e, aí sim, teremos igualdade”.

Lula disse que sempre se questiona, “por que teve presidente que passou quatro anos sem fazer uma universidade?” E respondeu: “porque os filhos deles faziam universidade no exterior e o ódio deles vem daí”. E continuou: “não tem nada mais gratificante que quando viajo e as pessoas levantam plaquinhas dizendo: hoje eu sou médica, hoje sou advogada, graças ao Prouni, graças ao Fies”.

O governador da Bahia, Rui Costa, relembrou a sua infância pobre e destacou que “tenho absoluta certeza que só a educação transforma a vida do ser humano”. Rui destacou que tem muito orgulho de ser do PT e animou a militância: “vamos usar a educação como instrumento da grande revolução social que esse estado precisa, que esse país precisa”.

A ministra das Mulheres, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos, Nilma Lino, também estava presente e disse ?que defender a educação é algo estratégico e que, como educadora, aprendeu que “educação é um direito e nós estamos aqui para lutar por isso”. A diretora da Escola Nacional de Formação PT, Selma Rocha, afirmou em sua fala que “enquanto uns articulam o golpe, nós estamos aqui seguindo na luta para que os direitos sociais no Brasil não retrocedam e discutindo a educação para o futuro”. 

Para saber mais sobre as atividades de Lula na sobre Educação no Piauí e na Bahia, visite a página do Instituto Lula .

Dirigido à militância petista, o seminário Brasil Pátria Educadora será realizado nos dias 23 e 24 deste mês (sexta-feira e sábado) no Hotel Fiesta. 

O ex-presidente Lula vem neste segundo semestre de 2015 debatendo a Educação como o fator mais importante para a continuidade da construção de um Brasil com oportunidade para todos, com maior inclusão social para os mais pobres após a redução da miséria e da fome, dando continuidade à transformação social que o Brasil viveu nos últimos treze anos. Lula recebeu ministros do governo, prefeitos, educadores, e secretários de educação estaduais e municipais em seu Instituto para debater o PNE e as medidas necessárias para avançar as conquistas nessa área e o PT avançar ainda mais como o partido que mais faz pela Educação. 

Junho – Reunião sobre o PNE com o ministro da Educação Renato Janine Ribeiro: http://www.institutolula.org/lula-plano-nacional-de-educacao-e-chance-de-iniciar-uma-revolucao-neste-pais

Julho – Reunião sobre o PNE com o ministro-chefe da Secretaria de Assuntos Estratégicos Mangabeira Unger: http://www.institutolula.org/lula-a-escola-tem-que-fazer-parte-da-vida-das-pessoas-como-a-novela-faz

Agosto – Encontro com o Sindicato dos Professores do Estado de São Paulo (Apoesp): http://www.institutolula.org/lula-e-preciso-saber-o-que-acontece-em-cada-escola-para-mudar-a-educacao

Agosto – Participação no Ato do PT pela Educação, em Brasília: http://www.institutolula.org/lula-quero-que-o-estado-assuma-responsabilidade-de-cuidar-da-educacao