13 de julho de 2018

O Diretório Municipal do PT de São Paulo realizou na quinta-feira (12), no Centro da capital paulista, mais uma edição da Tribuna Lula Livre, ação realizada em defesa do ex-presidente e dademocracia no Brasil.” A única pessoa que tem força para dialogar com os trabalhadores e trabalhadoras, com o setor empresarial e promover a paz, desenvolvimento, emprego para o Brasil é oLula“, disse durante o encontro o diretor do Instituto Lula, Paulo Okamotto.

Sobre a prisão política do ex-presidente, Okamotto destacou: “Eu conheço o Lula pessoalmente, tive o prazer de conviver com ele e sua família durante 40 anos, e ele jamais pediu apartamento em propina, não existe nenhuma prova disso, não tem documento, não tem cartório, não tem nada assinado que comprove isso”.

Okamotto tem convicção de que “essa é uma história inventada pelo Moro”.

Conduzida pelo presidente do Diretório Municipal, Paulo Fiorilo a atividade teve como mote a seguinte pergunta:“O que você acha da prisão do ex- presidente Lula?”, que era respondida pelas pessoas que circulavam pelo local.

O diálogo com a população é aberto e tem servido para comprovar que a grande maioria da população demonstra estar ciente de que a prisão de Lula é política e que não há provas.

Diane Costa, Comunicação PT-SP