09 de abril de 2018

Universidad Nacional de Rosario, na Argentina, promoveu na manhã desta segunda-feira (9) uma sessão extraordinária do conselho executivo solicitada pela faculdade de Humanidades y Artes para conceder o título de doutor honoris causa a Luiz Inácio Lula da Silva. 

Primeiro Presidente da República sem curso superior, Lula foi o que mais investiu em educação e programas de inclusão no ensino superior, mudando a realidade do país. Muito além da criação de novas universidades, campis, institutos tecnológicos que renderam a ele vários títulos como esse no Brasil, Lula agora é homenageado por integrar, através da educação, o povo latino-americano.

Em 2010, o petista oficializou a criação da Universidade Federal da Integração Latino-americana (Unila) com sede em Foz do Iguaçu (PR), na fronteira entre Brasil, Argentina e Paraguai e atua na integração cultural, social e acadêmico dos países do Mercosul, por exemplo.

Lula foi o presidente que mais criou universidades e institutos federais da história do Brasil. Ele segue sendo homenageado e recebendo títulos em todo o mundo como reconhecimento de tudo que fez pelo povo brasileiro e latino-americano.

Da Redação da Agência PT de Notícias