23 de agosto de 2018

Fernando Haddad, vice-presidente na chapa de Lula à presidência da República e seu porta-voz, disse que a ONU fez uma determinação, não apenas uma recomendação, sobre o fato do ex-presidente Lula ter direito a ser candidato. A legislação da ONU foi aprovada pelo Congresso Nacional.