21 de agosto de 2018

A Rede Globo continua a atingir novos níveis de perseguição e censura ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O Jornal Nacional da última segunda-feira (20/08) anunciou que não noticiará as atividades de campanha de Lula, alegando como justificativa o fato de Lula estar preso. A Globo quer esconder Lula, porque tem medo que Lula e o povo voltem ao poder. Não adiantará: os milhões de Lulas pelo Brasil são suas pernas e sua voz.

Tanto é verdade que o mesmo jornal teve de anunciar, ainda que contrariadamente, a pesquisa Ibope que mostra Lula como líder isolado, com 37% do total das intenções de voto, mais que o dobro do segundo colocado. A Globo tentou esconder a determinação da ONU que garante a Lula seu direito de ser candidato, inclusive fazer campanha, participar de debates e dar entrevistas. A imprensa internacional, no entanto, noticiou amplamente o fato.

Não há como calar Lula. Ele está nas mentes e nos corações do povo brasileiro, nas conversas de bar, nas lembranças de sonhos concretizados e na esperança de futuro. Se Lula está injustamente preso e, segundo a Globo, não pode fazer campanha, vamos então cada um de nós fazer campanha por ele.

Seja Lula! Vamos mostrar que o Brasil que queremos é com democracia, inclusão social e Lula presidente. Dia 1º de janeiro de 2019, a Globo terá de mostrar a festa popular na posse de Lula em seu terceiro mandato, repetindo o histórico primeiro de janeiro de 2003.