18 de outubro de 2013

Na noite desta quinta-feira (17), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva falou sobre os avanços do Brasil nos últimos anos e da relação deles com o desenvolvimento do comércio. Ele participou do lançamento do Mapa Estratégico do Comércio. O mapa, que foi feito em parceria com a Fundação Getúlio Vargas, tem como um de seus objetivos identificar as demandas do segmento comercial e sugerir propostas e ação para o setor no período de 2014 a 2020.

Lula lembrou que “quando você dá um milhão de reais a uma pessoa, ela coloca no banco e vive de juros. Se você divide esse um milhão para muitas pessoas, no dia seguinte eles estão no mercado, no armazém comprando. Isso é uma alavanca para a economia”. O ex-presidente contou que, nos últimos dez anos, a renda geral dos brasileiros cresceu 35%, enquanto a dos pobres cresceu 66%.

“O setor de comércio é testemunha privilegiada e parte essencial do modelo de desenvolvimento com inclusão social, que está transformando o Brasil”, afirmou Lula. Um dos exemplos citados por ele foi o programa Luz para Todos, que já atendeu mais de 3 milhões de famílias. Dos beneficiários do programa, 80% compraram televisão, 45% compraram aparelho de som e 73% compraram geladeira.

O ex-presidente também lembrou a aprovação da lei das micro e pequenas empresas, a criação do supersimples e do microempreendedor individual como grandes avanços para o setor de comércio nos últimos anos.

O presidente da Fecomércio RJ e promotor do evento, Orlando Diniz, ressaltou que “crescemos enormemente nos últimos dez anos e queremos crescer ainda mais”.