20 de setembro de 2018

Indagado sobre a questão da migração de estrangeiros para o Brasil, durante o debate da TV Aparecida, Fernando Haddad (PT) lembrou da tradição brasileira de acolhimento e de sua própria história. Haddad é filho de migrante libanês que era agricultor familiar no Líbano e encontrou no Brasil uma oportunidade de criar seus filhos.

Haddad foi responsável por implementar uma políticada Migração na cidade de São Paulo, que foi exemplo de como acolher os migrantes. Na prefeitura de São Paulo, Haddad inaugurou também o Centro de Referência e
Acolhida para Imigrantes de São Paulo  (CRAI), fruto de parceria com a Secretaria Municipal de Assistência Social e o Ministério da Justiça. Também realizou mutirão para inscrição de imigrantes e refugiados no Cadastro Único.

Haddad falou ainda sobre a importância de combater a xenofobia e a intolerância. “O Brasil tem que dar exemplo de paz. Os países que optam por violência, colhem violência. O Brasil tem que plantar paz pra colher paz”.

No programa de governo de Fernando Haddad e Manuela d’Ávila, está presente a promoção dos direitos dos migrantes: o compromisso de Haddad com os direitos humanos não deixará ninguém para trás. O governo implementará políticas voltadas para todos os segmentos sociais. O governo Haddad promoverá o direito dos migrantes por meio de uma Política Nacional de Migrações e reconhecerá, de forma ampla, os direitos de refugiados. Além disso, serão implementadas políticas intersetoriais para a população em situação de rua.

Confira a cobertura do Lula.com.br sobre o Haddad no #DebateAparecida

#DebateAparecida: Reforma Tributária e Imposto de Renda Justo

#DebateTVAparecida: Reforma Trabalhista e Teto de Gastos

#DebateAparecida: combate à violência

#DebateTvAparecida: programas sociais e fortalecimento das famílias

#DebateAparecida Saúde Básica e acesso a medicamentos: governos do PT mostram o que fizeram

#DebateAparecida: Imigração e tolerância

#DebateAparecida: feminicídio e políticas para mulheres

Haddad no Debate da TV Aparecida: Ética na Política